Adaptado do livro de André Luiz e psicografado por Chico Xavier estreia no dia 14 de setembro o filme “E a Vida Continua…”.

Com direção e roteiro de Paulo Figueiredo, conta com produção da Versátil Digital e participação especial do ator Lima Duarte.

E a Vida Continua…

Direção e Roteiro: Paulo Figueiredo Produção: Versátil Digital Filmes e VerOuvir Produções Produtores: Oceano Vieira de Melo, Sonia Marsaiolli de Melo e Paulo Figueiredo Produtores Associados: FEB / VerOuvir / Versátil Digital Filmes Distribuição Paris Filmes
Coordenação de Produção: Ricardo Parah Gerência de Produção: Giselle Figueiredo Produção de Elenco:Rosana Penna Direção de Arte/Figurino: Liana Obata Direção de fotografia: Tony Ciambra Câmera:  Bruno Martins e Edson Audi  Som direto: Gustavo Goulart e Geraldo Ribeiro
Sinopse:
A transposição deste romance para a tela põe em destaque o que a obra original tem de mais expressivo em seu conteúdo. Converte a essência de cada trecho literário em cenas vivas, instigantes, de interesse humano inquestionável. Levado por uma dessas tantas “coincidências” da vida, um homem de cinquenta anos conhece, em circunstâncias dramáticas, uma jovem de vinte e cinco. Fugitivo de si mesmo, sobrevivente de uma tragédia pessoal que o tempo ensinou a esconder num bem-humorado sorriso, no mesmo instante se encanta por essa moça, que além da frustrada paixão pelo marido infiel nenhuma razão mais possui para  continuar vivendo.
Como náufragos à deriva, Ernesto e Evelina juntam forças e esperanças. Mas não só amores e desamores passados os tornam semelhantes. A questão da saúde comprometida pela mesma enfermidade grave, outra “coincidência”, lança expectativas sombrias no futuro dos dois. Como investir numa tão promissora amizade que pode acabar sem glória e sem despedida no centro cirúrgico de um hospital? Instala-se a dúvida. E nos poucos dias que os separam de seus destinos curiosamente parecidos, o homem e a mulher que o “acaso” trouxe para um encontro preparam suas almas apostando na Vida, mas com um olho na Morte.
No último minuto de proximidade na estância de repouso preparatório para as cirurgias, dizer o quê? Adeus? Até breve?
Na falta de resposta o silêncio foi melhor. Um sorriso e uma mão acenando disseram mais.
Como no Teatro, fechava-se a cortina ao final do Primeiro Ato. O Segundo seria num outro palco, numa nova dimensão, para outra plateia. Entenderiam os protagonistas, agora, que a Vida é uma peça de muitos Atos, porém sem fim.
Atores principais do filme:
AMANDA ACOSTA – Evelina Serpa
LUIZ BACCELLI – Ernesto Fantini
LIMA DUARTE – Instrutor Ribas
ANA ROSA – Lucinda
LUIZ CARLOS DE MORAES – Instrutor Cláudio
RUI REZENDE – Desidério dos Santos
LUIZ CARLOS FELIX – Caio Serpa
ANA LÚCIA TORRE – Brígida
CLAUDIA MELLO – Alzira
ARLETE MONTENEGRO – Sra. Tamburini
ROSANA PENNA – Elisa
RONALDO OLIVA –  Túlio Mancini
SAMANTHA CARACANTE – Vera Celina
CESAR PEZZUOLLI – Amâncio
CARLA FIORONI – Enfermeira Isa
PERSONAGENS DO UMBRAL – Guilherme Santana, Lucienne Cunha, Marco Antonelli e Débora Muniz, mais um grande elenco.

Anúncios